quinta-feira, 27 de julho de 2017

NÃO CONSIGO PARAR DE TE AMAR



Quando chega a tarde e o sol tinge o horizonte de vermelho
A saudade vai se aconchegando em meu peito
Trazendo as lembranças mais intimas de nossas noites de amor
Lembranças que tomam conta de minha mente vasculhando o que ficou de mais belo
As noites de entrega total
Você se esbaldando do gosto mais íntimo do meus corpo
Tuas mães tocando em minhas entranhas fazendo fluir o mais profundo prazer
Teu corpo quente e suado sobre o meu
Tua boca me devorando com uma fome insaciável
Ainda sinto tua boca sugando e mordendo meus seis como uma fera se alimentando
Com a fome depois da hibernação
Eu te pedia mais e agora não tenho mais
Pois já não somo nós
Agora só tem você, eu e as doces e intimas lembranças de um grande amor.

Nenhum comentário: