sexta-feira, 19 de junho de 2009

A sombra que vem depois do sol

A sombra que vem depois do sol
É habitada
É uma sombra feliz
A sombra que sucede à luz mui forte
É grávida de cor afirmativa
Estabiliza os caudais
Da imaginação
Pinta seus recantos obscuros
Reconcilia tudo.

Alberto de Lacerda

Nenhum comentário: